Tag: vestibular

Você conhece a Garantia de Aprovação do Genesis?

Aprovação Garantida* Há 8 anos nós oferecemos a todos os alunos das turmas Pré-Vestibular Diurno + Sábados (Híbrido) e Pré-Vestibular Noturno o benefício da Garantia de Aprovação. Esta garantia visa beneficiar aqueles alunos dedicados, que levam o seu plano de estudos a sério e participam das atividades propostas pelo Coordenador. A Garantia é simples: o […]

Read More

[Análise] “Minha Vida de Menina” Parte 1 – Helena Morley

A Débora, professora de Literatura do Genesis analisa a obra "Minha Vida de Menina", de Helena Morley. Aclamado por escritores como Carlos Drummond de Andrade e João Guimarães Rosa, Minha vida de menina é o diário de uma garota de província do final do século XIX. Publicado pela primeira vez em 1942, antecipa a voga das histórias do cotidiano e dos relatos confessionais de adolescentes ao traçar um retrato vivo e bem-humorado da vida em Diamantina entre 1893 e 1895. A pequena Helena Morley (pseudônimo de Alice Dayrell Caldeira Brant) compõe um painel multicolorido, desabusado e quase sempre inconformista do Brasil. De lambuja, o leitor é apresentado às inquietações típicas de uma adolescente espevitada e esperta às vésperas de um novo século.   <iframe src="https://www.youtube.com/embed/PJ0vAgj67k4" width="560" height="315" frameborder="0" allowfullscreen="allowfullscreen"></iframe>
Read More

[Análise] “A Falência” Parte 1 – Júlia Lopes de Almeida

A Débora, professora de Literatura do Genesis analisa a obra "A Falência", de Júlia Lopes de Almeida. Bem recebido pela crítica em seu lançamento (em 1901), A falência destaca-se da produção de obras dessa época. Em um cenário de romances amorosos, Júlia Lopes de Almeida narra com crueza o enredo de uma mulher adúltera em busca de realização, entremeado à derrocada de um exportador de café. Camila, de origem pobre e casada com Francisco Theodoro em virtude da comodidade que a riqueza do marido lhe traz, descobre a paixão tardiamente nos braços do doutor Gervásio. Francisco de nada desconfia, mas terá seu ideal de família perfeita abalado após um mau negócio que o leva à falência. A falência, segundo biografia ainda não publicada pela filha da autora, levou mais de quinze anos para ser produzido, tornando-se a obra-prima de Júlia Lopes de Almeida, uma das maiores escritoras da literatura brasileira.   <iframe src="https://www.youtube.com/embed/dGIgZF-o48U" width="560" height="315" frameborder="0" allowfullscreen="allowfullscreen"></iframe>
Read More

[Análise] “A Falência” Parte 2 – Júlia Lopes de Almeida

A Débora, professora de Literatura do Genesis analisa a obra "A Falência", de Júlia Lopes de Almeida. Bem recebido pela crítica em seu lançamento (em 1901), A falência destaca-se da produção de obras dessa época. Em um cenário de romances amorosos, Júlia Lopes de Almeida narra com crueza o enredo de uma mulher adúltera em busca de realização, entremeado à derrocada de um exportador de café. Camila, de origem pobre e casada com Francisco Theodoro em virtude da comodidade que a riqueza do marido lhe traz, descobre a paixão tardiamente nos braços do doutor Gervásio. Francisco de nada desconfia, mas terá seu ideal de família perfeita abalado após um mau negócio que o leva à falência. A falência, segundo biografia ainda não publicada pela filha da autora, levou mais de quinze anos para ser produzido, tornando-se a obra-prima de Júlia Lopes de Almeida, uma das maiores escritoras da literatura brasileira.   <iframe src="https://www.youtube.com/embed/jdOBflRDxCY" width="560" height="315" frameborder="0" allowfullscreen="allowfullscreen"></iframe>
Read More

[Análise] “Quincas Borba” – Machado de Assis

A Débora, professora de Literatura do Genesis analisa a obra "Quincas Borba", de Machado de Assis. O livro trata da vida de Rubião, amigo e enfermeiro particular do filósofo Quincas Borba - personagem descrito em obra anterior de Machado, Memórias póstumas de Brás Cubas -, de quem herda toda a fortuna. Ao trocar a vida provinciana pelo bulício da corte, Rubião leva consigo o cão, também chamado de Quincas Borba, que pertencera ao filósofo e do qual deveria cuidar a fim de preservar o direito à herança. No trem que o conduz ao Rio de Janeiro, Rubião conhece o casal Sofia e Cristiano Palha, que logo percebem que o companheiro de viagem é um novo-rico ingênuo e ludibriável. Seduzido pela amabilidade do casal e, sobretudo, pela beleza de Sofia, Rubião passa a frequentar a casa deles, confiando cegamente nos novos amigos.   <iframe src="https://www.youtube.com/embed/KYR2CtifIps" width="560" height="315" frameborder="0" allowfullscreen="allowfullscreen"></iframe>
Read More

Entenda o que mudou no Vestibular Unicamp

Estamos na metade do segundo semestre de 2019 e se você é vestibulando, com certeza já está revendo seus planos e metas traçados na virada do ano. Por hábito, no início do ano,  todos nós elaboramos uma lista do que pretendemos alcançar e o que será necessário para que os objetivos sejam conquistados. O cursinho […]

Read More

Unimep estará na Feira de Profissões do Genesis

A Unimep participará no próximo dia 10 da Feira de Profissões em Americana, promovida pelo Curso Genesis. Estaremos com plantão de dúvidas durante toda a feira, além de palestra na área de Engenharia Química que ocorrerá às 11h00. Você poderá obter maiores informações sobre cursos, política de apoio financeiro e forma de ingresso acessando, www.unimep.br/vestibular. […]

Read More